domingo, outubro 29, 2006

...e a tradição ainda foi como o costume...

Esta noite, às 2 a.m., a hora atrasou. Pelo país, em todas as casas de pessoas decentes, esperou-se com 12 relógios na mão pelo toque das badaladas. Sem Teresa Guilherme, fogo-de-artifício ou corrida de S. Silvestre (esta dedicada aos habitantes da Amadora).
Mais uma vez enganaram os portugueses. A famosa frase "Este fim-de-semana, ganhou-se uma hora" é mentira. Eu pelo menos ganhei apenas 30 minutos. Os outros, foram a acertar os relógios cá de casa:
9 relógios de pulso
3 Telefones
2 relógios despertadores
1 relógio da cozinha
1 relógio da casa-de-banho
1 relógio do DVD
1 relógio do carro
Arnaldoooooo

1 Comentários:

Blogger Undisclosed Recipient disse...

Nunca tinha pensado nisso mas tens toda a razão. O tempo que se perde a acertar todos os relógios que existem à nossa volta...

9:28 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial